• lowcarb.net.br

Consumo De Baixo Carboidrato E Emagrecimento – Os Maiores Erros Low Carb


É necessário conhecer a dieta de baixo carboidrato para que não seja muito penoso o processo de emagrecimento.

Digo isso porque observo nas páginas sociais muita queixa de prisão de ventre, fraqueza, dor de cabeça e sobre não estar conseguindo perder peso.

Uma coisa é fato. Uma alimentação de baixo carboidrato, onde a oferta de macronutrientes é adequada, a perda de peso é certa e sem sintomas adversos.

Ou seja, para que seu organismo entre em cetose e você possa ter todos os benefícios metabólicos da redução de carboidratos, simplesmente cortar carboidratos não é o bastante.

Se você não conseguiu os resultados esperados em uma dieta de baixo carboidrato, talvez você esteja cometendo um desses 5 erros comuns.

1- CONSUMIR CARBOIDRATO ACIMA DA SUA NECESSIDADE

Muitas pessoas conseguem resultados ótimos consumindo de 100 a 150 gramas de carboidrato líquido por dia. Porém, a maioria das pessoas precisa ingerir menos de 50 g por dia para entrar em cetose total.

Se para você consumir 150 g não funciona, será preciso experimentar quantidades diferentes para descobrir sua quantidade ideal.

Isso vai depender de vários fatores, mas o principal é se alimentar de comida de verdade e excluir alimentos processados da dieta.

2. CONSUMIR PROTEÍNA ACIMA DA SUA NECESSIDADE

Em uma dieta de baixo carboidrato, a proteína ingerida em excesso será transformada em glicose através da gliconeogênese, não deixando o seu organismo entrar em cetose. Matamos a charada aqui, não é mesmo?

Uma dieta de baixo carboidrato bem balanceada deve ter poucos carboidratos, muita gordura e proteína moderada.

A quantidade mais adequada de proteína é de 1,5 a 2 gramas por quilo de peso corporal.

3. CONSUMIR GORDURA DE MENOS

Na dieta de baixo carboidrato, a energia deve ser ofertada através da gordura.

Se você não consumir gordura o suficiente, você ficará com fome, se sentirá mal e desistirá da dieta. Matamos mais uma charada!

Basta escolher gorduras monoinsaturadas e naturais, como carnes e peixes gordurosos, azeite de oliva extravirgem, óleo de coco e banha de porco.

Pesquisas apontam que a gordura deve corresponder a 70% do total de calorias de uma alimentação de baixo carboidrato.

4. NÃO REPOR O SÓDIO

Dietas com baixo carboidrato diminuem os níveis de insulina no organismo, o que faz com que os rins excretem o excesso de sódio do corpo.

É por isso que as pessoas geralmente se livram do inchaço depois de alguns dias em uma dieta de baixo carboidrato.

Entretanto, o sódio é um eletrólito essencial ao corpo, e quando a sua concentração no organismo é muito baixa e a oferta de carboidrato é reduzida, os efeitos colaterais são: vertigens, fadiga, dores de cabeça e prisão de ventre. Aqui quase exterminamos a charada.

A melhor forma de resolver esse problema é adicionar mais sódio à sua dieta. Você pode fazer isso adicionando mais sal aos seus alimentos.

Não estou dizendo que é para consumir sal em excesso, veja lá.

5. SER IMPACIENTE E INTOLERANTE

Nosso corpo usa o carboidrato como fonte de energia.

Na falta do carboidrato, precisamos buscar energia na gordura acumulada ou na gordura que vem da dieta, leva alguns dias para que nosso corpo se adapte a essa troca, e durante esse tempo você provavelmente se sentirá mal.

Essa fase de adaptação repleta de mal estar e conhecida como “gripe da redução de carboidratos” e acontece com a maioria das pessoas.

Isso pode levar cerca de 3 a 4 dias, mas a adaptação completa pode levar várias semanas. Aqui jaz a charada!

Então é importante ser paciente e seguir sua dieta estritamente do começo para que a adaptação metabólica ocorra.

Resumindo, uma alimentação com baixo carboidrato não é suficiente para trazer benefícios à nossa saúde. É preciso ofertar gordura, consumir proteína moderadamente, repor o sódio, ter paciência e persistência.

E não se esqueça de comer alimento de verdade, que vem da terra, e usar temperos como o bom humor e a gentileza, assim você estará trazendo benefícios à saúde do nosso planeta também!

Até o próximo post!

Equipe Receitas para Dieta Low Carb

www.lowcarb.net.br

Se gostou, compartilhe!

#lowcarb #receitalowcarb #emagrecimento #baixocarboidrato #livroreceitaslowcarb #comofuncionaadietalowcarb #dicaslowcarb #baixocarboidrato #errosnalowcarb #sintomasnalowcarb #gripedareduçãodecarboidratos #dietalowcarb

0
  • receitas para dieta low carb
  • receitas para dieta low carb
  • receitas para dieta low carb